Empresas sul-coreanas vão beneficiar 35 milhões de pessoas com milhas via blockchain e criptomoedas – Portal do Bitcoin

As empresas sul-coreanas ICON Foundation e SK Holdings C&C anunciaram uma parceria estratégica centrada na tecnologia blockchain que vai oferecer serviços a bancos, companhias de seguros e programas de milhas.

De acordo com a CCN, a ICON é um dos projetos blockchain mais valiosos  da Coréia do Sul e a SK Holdings o maior grupo de telecomunicações do país. Eles possivelmente vão utilizar a tecnologia blockchain e criptomoedas para compensar os usuários com o programa de milhas ‘OK Cashbag’.

A SK Planet, subsidiária da SK Holdings que assinou um memorando de entendimento (MoU) com a ICON, opera o sistema de milhagem mais utilizado no país com quase 35 milhões de usuários, mais da metade da população.

[Empresas e organizações podem usar um ‘MoU’ para estabelecer um acordo formal entre duas ou mais partes. Este tipo de documento não é juridicamente vinculativo, mas carrega um grau de seriedade e respeito mútuo]

Também é esperado para os próximos meses que a SK Planet colabore com a equipe da ICON para utilizar sua tecnologia blockchain no suporte a serviços móveis para o sistema de milhagem, conforme relatou a CCN.

Em julho, uma grande empresa de mídia sul-coreana chamada Hani havia informado que a OK Cashbag havia iniciado um processo de desenvolvimento de um sistema baseado em blockchain para lidar com pagamentos de milhagem e vários modelos de negócios.

“OK Cashbag aprovou o início do Projeto OKX, um projeto baseado em tecnologia blockchain, e está atualmente em uma fase de revisão de vários modelos de negócios e métodos de incentivo. Mas, o SKPlanet não se envolverá em nenhuma oferta inicial de moeda (ICO) ou captação de recursos pertencente ao Projeto OKX”, relatou a Hani, na ocasião .

A SK Planet, no entanto, ainda não tinha fornecido nenhuma informação adicional sobre as complexidades técnicas de seu projeto blockchain nem sobre quaisquer parcerias.

O MoU, assinado entre a ICON e a SK Planet, segundo a CCN, demonstrou a estratégia de longo prazo da SK para prosseguir ativamente nos seu plano de integração à tecnologia blockchain.

Especialistas sugeriram que a parceria entre a ICON e uma outra empresa, a Line, um dos aplicativos de mensagens mais usados na Ásia, incentivou a SK a trabalhar com a ICON para lançar seu primeiro produto blockchain.

“Através da cooperação com a SK Planet, que tem os serviços da OK Cashbag e da Syrup wallet, já sendo amplamente utilizados pelo público, a ICON manterá o trabalho duro para popularizar o blockchain”, disse JH Kim, membro do conselho da ICON Foundation.

JM Park, executivo da SK Planet, também se manifestou e disse que o grupo vai cooperar com pequenas e médias empresas para comercializar o blockchain em toda a Ásia.

“Blockchain parece ser uma das principais tecnologias que vai promover a transformação do mercado na indústria existente a médio e longo prazo. O SK Planet trabalhará com o ICON para contribuir em vários setores para que possamos oferecer benefícios diferenciados aos nossos clientes”, disse Park.

Grandes empresas focadas em blockchain e criptomoedas

Na Coréia do Sul, LG, Samsung, SK e muitos outros grupos  têm mostrado grande interesse na Tecnologia Blockchain, haja vista o reconhecimento da novidade tecnológica pelo governo sul-coreano como um dos pilares da quarta revolução industrial, juntamente com a Inteligência Artificial (IA) e BigData.

A Samsung tem se esforçado na produção de chips ASIC para mineração  e a SK financiou a principal exchange de criptomoedas Korbit, enquanto a Kakao (aplicativo de mensagens) tem apoiado a Upbit, a maior bolsa de criptomoedas do país.


Compre Bitcoin no Celular

A BitcoinTrade é a melhor plataforma para operar criptomoedas do Brasil.
Compre Bitcoin, Ethereum e Litecoin com segurança e liquidez, diretamente pelo app.
Baixe agora e aproveite, acesse: www.bitcointrade.com.br

O post Empresas sul-coreanas vão beneficiar 35 milhões de pessoas com milhas via blockchain e criptomoedas apareceu primeiro em Portal do Bitcoin.

Fonte Oficial: Portal do Bitcoin.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!