IGP-DI tem alta em setembro com pressão no atacado e no varejo – Exame

IGP-DI é usado como referência para correções de preços e valores contratuais

Por Reuters

access_time 8 out 2018, 08h43

São Paulo – O Índice Geral de Preços-Disponibilidade Interna (IGP-DI) acelerou a alta a 1,79 por cento em setembro sobre avanço de 0,68 por cento em agosto diante do aumento tanto dos preços no atacado quanto no varejo, informou a Fundação Getulio Vargas (FGV) nesta segunda-feira.

Os dados mostraram que o Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA-DI), que responde por 60 por cento do indicador todo, subiu em setembro para 2,54 por cento depois de um avanço de 0,99 por cento no mês anterior.

No IPA, o subgrupo combustíveis para consumo registrou no período avanço de 9,46 por cento, depois de ter apresentado uma variação negativa de 0,42 por cento no levantamento anterior.

No varejo, a pressão aumentou uma vez que o Índice de Preços ao Consumidor (IPC-DI), que responde por 30 por cento do IGP-DI, acelerou a alta a 0,45 por cento no mês, de 0,07 por cento em agosto.

O destaque para o movimento do índice foi o grupo Transportes, que avançou 1,09 por cento após queda de 0,35 por cento no mês anterior.

O Índice Nacional de Custo da Construção (INCC-DI) registrou em setembro alta de 0,23 por cento, depois de ter subido 0,15 por cento em agosto.

O IGP-DI é usado como referência para correções de preços e valores contratuais. Também é diretamente empregado no cálculo do Produto Interno Bruto (PIB) e das contas nacionais em geral.

Fonte Oficial: Exame.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!