Produção industrial cresce 1,9% no ano — Governo do Brasil

A produção industrial se mantém positiva em 2018 e no acumulado de 12 meses. Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), divulgados nesta quinta-feira (1º), mostram que o setor tem se mantido em ritmo de expansão. No ano, o avanço é de 1,9%; em 12 meses, está em 2,7%.

Mais produção industrial significa que o setor acredita que haverá uma demanda maior por produtos manufaturados, ou seja, há uma expectativa de que a economia continue a se expandir e que os consumidores demandem cada vez mais produtos.

O segmento que mais cresceu no ano foi o de bens duráveis, com 11,6% de alta. Esse ramo é o que produz itens como geladeiras, fogões, máquinas de lavar e outros bens que, inclusive, podem gerar demanda por crédito e financiamento. O aumento das vendas desses produtos é importante por impulsionar a economia mais fortemente.

Os bens de capital aparecem em segundo lugar, entre os que mais ampliaram a produção, registraram aumento de 8,5% no ano. Esse ramo é o que produz itens para serem usados na produção de outros bens. São produtos como máquinas, equipamentos, materiais de construção. O aumento desse segmento está ligado à expansão de investimentos.

Fonte: Governo do Brasil, com informações do IBGE

Fonte Oficial: Portal Brasil.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!