EURUSD: Análise de Mercado | Investing.com – Investing.com

Ontem, 05/11, a cotação do euro fechou em alta. Depois da queda até 1,1354, o preço se recuperou até 1,1424. No início da sessão europeia, foi pressionado por causa do receio dos investidores diante da indefinição em torno do problema entre Itália e União Europeia.

Na sessão dos EUA, o euro ganhou suporte com a valorização da libra em relação ao . A cotação da libra subiu diante das declarações de que o acordo entre Reino Unido e União Europeia será concluído em breve.

O preço atingiu o nível esperado. Mas o padrão que se formou no gráfico não foi bem o que imaginei.

Os participantes do mercado esperam os resultados das eleições legislativas dos EUA. As estimativas indicam que os democratas devem obter a maioria na Câmara dos Representantes, enquanto o Senado deve continuar sob controle dos republicanos. Neste caso, o euro se valorizará, tendo em vista que ficará mais difícil para o presidente Trump realizar seus planos econômicos.

O par está sendo cotado em torno da linha da média móvel. Considerando que o estocástico está na zona de compras, a previsão é de recuperação até o nível 1,1442.

Há ainda a possibilidade do preço continuar em movimentação lateral (flat) até quarta-feira, quando ocorrerá a próxima reunião do Comitê Federal de Mercado Aberto (FOMC, na sigla em inglês) da Reserva Federal (Fed) dos EUA. O órgão vai manter a taxa básica de juros.

É esperado um aumento só em dezembro. Assim, as notícias de maior peso no mercado serão os resultados das eleições de meio mandato nos EUA e a questão do orçamento italiano na União Europeia.

Mesmo assim, é bom dar uma olhada na dinâmica do spread entre os rendimentos dos títulos da dívida pública a 10 anos da Itália e da Alemanha e nos títulos da dívida dos EUA.

Fonte Oficial: Investing.com.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!