Governo autoriza aumento do volume de biodiesel no óleo diesel — Governo do Brasil

O volume de biodiesel dentro do diesel vai crescer, gradualmente, até 2023. A medida foi autorizada pelo Ministério de Minas e Energia (MME) e está publicada no Diário Oficial da União de quinta-feira (8). Até o fim do cronograma, essa participação na composição do combustível vai aumentar de 10% para 15%.

De acordo com o cronograma, a mudança começa a partir de junho de 2019, quando o percentual passa de 10% para 11%. A partir de 2020 até 2023, haverá o aumento de um ponto percentual, sempre em março, até chegar a participação de 15%.

Em nota, o ministério afirmou que “a medida oferece previsibilidade ao setor, incentiva a geração de empregos e investimentos na área de combustíveis”. O texto ainda permite que distribuidores de combustíveis autorizados coloquem, voluntariamente, biodiesel ao óleo diesel vendido ao consumidor final. Esse volume, no entanto, não pode ultrapassar os 15%.

O ministério prevê, com essa medida, que a produção do biodiesel no País passe de 5,4 bilhões de litros por ano para 10 bilhões de litros até 2023. “Esse crescimento representa um aumento de 85% da demanda doméstica, o que deve consolidar o Brasil como um dos maiores produtores de biodiesel no mundo”, avaliou o ministério em nota.

Fonte: Governo do Brasil, com informações do Ministério de Minas e Energia e do Diário Oficial

Fonte Oficial: Portal Brasil.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!