Itália deve adotar medidas apropriadas no orçamento, diz ministro alemão – Exame

Berlim – A Itália deveria adotar ações apropriadas para lidar com seu alto endividamento, afirmou o ministro das Finanças da Alemanha, Olaf Scholz. Segundo ele, aqueles com alto endividamento, como a Itália, deve agir com mais cuidado que outros.

“Ninguém está exigindo um programa de austeridade, todos pedem uma abordagem prudente das possibilidades”, afirmou a autoridade alemã. “Isso é o que está sendo discutido entre a Comissão Europeia e o governo italiano e isso terá de ser tratado.”

O ministro afirmou esperar um bom resultado no diálogo. A Comissão Europeia rejeitou o recente orçamento do governo italiano, após avaliar que ele aumenta gastos com benefícios de seguro-saúde e pensões, levando a um déficit orçamentário potencialmente bem maior, contrariando as regras de equilíbrio nas contas públicas da UE.

Fonte Oficial: Exame.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!