EURUSD: Euro Continuará sob Pressão – Investing.com

Na segunda-feira, 12/11, o par fechou em queda. O euro se desvalorizou 1% em relação ao , para 1,1216. A queda do par foi provocada pela valorização do dólar, além do aumento na demanda pelos ativos seguros. Os investidores estão preocupados com a tensão comercial entre EUA e China, além da incerteza em relação às questões da Itália e do Brexit. O Reino Unido não pode resolver a questão das fronteiras com Irlanda e a Itália está na mesma situação com o tema do orçamento de 2019.

Devido ao feriado nos EUA e no Canadá, o mercado de títulos não abriu. No mercado monetário, houve pouca atividade. Os principais índices nos EUA apresentaram queda. O subiu.

Fig.1 EURUSD, timeframe horário. Fonte: tradingview

Ontem, na sessão da Europa, a cotação caiu até a linha da média móvel D3 (linha da média de 55 dias e com desvio de 1%). O preço se desviou da linha, mas depois de um rebote, a queda se acentuou num mercado com pouco volume de negociações.

A partir do nível 1,1216, o euro se recuperou até 1,1252. Considerando que o estocástico está apontado para cima, espero uma nova onda de vendas . Se isso ocorrer, não vejo por que a cotação não possa chegar até 1,1207.

Se começarmos a projeção a partir das mínimas 1,1240 e 1,1216, então o alvo para os vendedores será 1,1190. No timeframe diário, os alvos estão em 1,1150 e 1,1025.

Fonte Oficial: Investing.com.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!