Roger Ver recebe carta e grava vídeo em apoio a fundador do Silk Road – Portal do Bitcoin

Roger Ver, fundador do site Bitcoin.com e ‘pai’ do Bitcoin Cash (BCH) publicou um vídeo no Youtube no domingo (30) pedindo apoio a Ross Ulbricht, criador da polêmica plataforma Silk Road, um site que operava com Bitcoin na Deep Web.

Ross, que foi julgado e condenado à prisão perpétua por lavagem de dinheiro e tráfico de drogas e já tentou, sem sucesso, uma revisão de pena, escreveu uma carta a Ver pedindo ajuda.

No vídeo, Ver lê a carta, mas antes conta sua reação quando viu a correspondência na mesa do seu escritório.

“Na tarde do domingo, antevéspera de Natal, sentei-me à mesa para responder alguns emails quando percebi que uma das correspondências que estavam sobre ela vinha da Florence High (prisão de segurança máxima no Condado de Fremont, Colorado (EUA), em nome de Ross Ulbricht”, disse ele.

Ver, que mora em Tóquio, no Japão, disse que deixou para ler no momento em que gravava o vídeo. Ele elogiou a caligrafia de Ulbricht e revelou a carta datada de 28 de novembro, que levou quase um mês para chegar no país asiático. “Ainda não a li, então não sei o que ele tem a dizer”, diz o investidor antes de abrir a carta e começar a enunciar.

“Querido Roger, apesar de sua generosa assistência ao longo das minhas batalhas judiciais, especialmente no começo, quando poucas pessoas me auxiliaram, perdi uma e outra vez no tribunal. Fizemos um grande esforço, mas tudo ficou tão embaralhado que há poucas chances de eu ganhar, e não importa o quanto de dinheiro ou habilidade você tenha. Agora minha maior esperança é convencer o presidente [dos Estados Unidos] a diminuir minha sentença”.

Roger Ver continua a ler a carta. Ross diz que após ficar sem saída, sua namorada e uma pessoa chamada Lin estavam gravando pequenos vídeos de pessoas influentes do mercado de criptomoedas.

“Eu ficaria muito honrado se você gravasse um video de apoio e subisse no freeross.org e também chamasse outros para fazerem o mesmo. Obrigado por me apoiar todos esses anos, isso realmente significa muito”, diz um trecho.

Vídeo de Roger Ver

Roger Ver, direciona, então, sua fala a Ross: “Claro, eu vou fazer o vídeo pra você”.

Ele criticou a Justiça americana citando uma passagem da Constituição que fala sobre “garantir às pessoas o direito de conhecer a busca da felicidade”. Neste caso, ele quis dizer que Ross não é culpado das pessoas procurarem as drogas para serem felizes.

Partido Libertário é a favor do perdão presidencial

Ross foi visto por muitos como um libertário que defendia autonomia política e social. Ele realmente fez fortuna com o Silk Road vendendo armas e drogas no mercado obscuro da internet.

Segundo a CCN, durante a convenção anual do Partido Libertário em julho do ano passado, Darryl Perry, ex-presidente do grupo incluiu na ata o pedido de perdão do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, a Ross, descrevendo-o como “preso político”. A ata impõe a seguinte ordem:

“Nós precisamos nos manifestar e lembrar a cada dois anos que temos um preso político que cumpre pena pelo crime de administrar um site libertário”.

Dread Pirate Roberts

Sob o apelido “Dread Pirate Roberts”, em referência ao personagem do filme The Princess Bride (A Princesa Prometida), Ross, fez fortuna vendendo armas e drogas no mercado obscuro da internet.

Ele chegou a juntar mais de 140 mil bitcoins, equivalentes a R$ 2 bilhões no mercado de hoje, segundo o IPB,  mas foi preso em flagrante operando o site em uma biblioteca pública de São Francisco, em outubro de 2013, após ter sido rastreado pelo FBI.


BitcoinTrade

Baixe agora o aplicativo da melhor plataforma de criptomoedas do Brasil Cadastre-se e confira todas as novidades da ferramenta, acesse: www.bitcointrade.com.br

O post Roger Ver recebe carta e grava vídeo em apoio a fundador do Silk Road apareceu primeiro em Portal do Bitcoin.

Fonte Oficial: Portal do Bitcoin.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!