Mourão: mudança de embaixada não deveria ser motivo para embargo saudita – Exame

Brasília – O presidente em exercício, Hamilton Mourão, disse nesta terça-feira, 22, que a intenção do presidente Jair Bolsonaro de mudar a embaixada brasileira em Israel de Tel-Aviv para Jerusalém não deveria ser motivo para um embargo saudita à carne de frigoríficos brasileiros, à medida que ainda não foi concretizada.

“A embaixada não está mudada ainda, o pessoal está se antecipando ao inimigo”, declarou Mourão, quando perguntado se a suspensão seria uma retaliação.

Das 30 plantas brasileiras que estavam exportando carne de frango do Brasil para a Arábia Saudita, cinco foram descredenciadas. Os motivos oficiais da suspensão não foram anunciados. Mourão desviou de comentar se de fato a embaixada será alterada. “Vamos aguardar.”

Fonte Oficial: Exame.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!