Dólar fecha quase estável ante real monitorando rompimento de barragem da Vale e exterior Por Reuters – Investing.com

© Reuters. .

SÃO PAULO (Reuters) – O encerrou praticamente estável ante o real nesta segunda-feira, com investidores se concentrando nas movimentações ao redor do rompimento de uma barragem da Vale (SA:) em Minas Gerais e no cenário internacional.

O dólar recuou 0,17 por cento, a 3,7655 reais na venda. Na máxima da sessão, chegou a 3,7884 reais e, na mínima, alcançou 3,7515 reais.

O cedia cerca de 0,2 por cento.

Com pouca oscilação, o mercado investiu as atenções nos desdobramentos do desastre envolvendo o rompimento de uma barragem de rejeitos da Vale em Brumadinho (MG).

“As atenções hoje ficaram voltadas para o mercado interno”, afirmou o diretor de uma corretora nacional.

Às 17h02, a ação da Vale caía 22,5 por cento.

O câmbio não deve sentir os impactos do desastre, exceto se a desvalorização da Vale incorrer em fluxo de saída de dólares, disse o gerente de câmbio da Icap Corretora, Italo Abucater.

“Em teoria, não deveria afetar câmbio, a não ser que tenha saída de fluxos que estão aqui. Vai ser uma semana ruim, em termos de como vai se comportar esse governo novo, em termos de discurso, de acalmar familiares, de apaziguar”, explicou ele.

No radar está também a recuperação do presidente Jair Bolsonaro após a cirurgia de retirada da bolsa de colostomia, que terminou com sucesso por volta das 15h40.

“A depender de sua recuperação, investidores devem começar a exigir sinalizações da proposta da reforma da Previdência”, afirmou a H.Commcor em nota.

No lado externo, o mercado tem pela frente uma semana movimentada. O Fed se reúne para a primeira reunião de política monetária do ano, quando é esperado que o banco central norte-americano sinalize uma pausa no ciclo de aperto monetário e reconheça os crescentes riscos para a economia dos EUA.

Nos dias 30 e 31 o vice primeiro-ministro chinês, Liu He, visita os EUA para nova rodada de negociações em meio à guerra comercial entre as duas maiores economias do mundo.

O Banco Central vendeu nesta sessão 13,4 mil swaps cambiais tradicionais, equivalentes à venda futura de dólares. Desta forma, rolou 12,06 bilhões de dólares do total de 13,398 bilhões que vencem em fevereiro.

(Por Laís Martins)

Declaração de Riscos: Fusion Media would like to remind you that the data contained in this website is not necessarily real-time nor accurate. All CFDs (stocks, indexes, futures) and Forex prices are not provided by exchanges but rather by market makers, and so prices may not be accurate and may differ from the actual market price, meaning prices are indicative and not appropriate for trading purposes. Therefore Fusion Media doesn`t bear any responsibility for any trading losses you might incur as a result of using this data.

Fusion Media or anyone involved with Fusion Media will not accept any liability for loss or damage as a result of reliance on the information including data, quotes, charts and buy/sell signals contained within this website. Please be fully informed regarding the risks and costs associated with trading the financial markets, it is one of the riskiest investment forms possible.

Fonte Oficial: Investing.com.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!