Usuário paga R$ 1,6 milhão em taxas ao fazer quatro transações de Ethereum – Portal do Bitcoin

Quatro transações que tiveram um total movimentado de aproximadamente R$ 70 – aproximadamente 0,15 ETH – foram realizadas com uma taxa de R$ 1,6 milhão.

Na primeira transação das quatro, o usuário enviou 0,01 ETH (R$ 5,43) e pagou uma taxa de transação de 210 ETH (aproximadamente R$ 114.000).

A segunda e a terceira tiveram 420 ETH pagos pela transferência de apenas 0,02 ETH, equivalentes a R$ 10,87, enquanto a quarta transação teve uma taxa de 2100 ETH (R$ 1.140.000) paga pelo envio de apenas R$ 54,35 ou 0,1 ETH.

Quarta transação onde foi pago 2.100 ETH de taxa

Não se tem informação sobre o que pode ter acontecido para alguém ter enviado uma taxa tão alta e nem quem possa ser o dono dessa carteira.

De acordo com o Cryptopotato, dada a progressão entre as taxas de transação e os tempos dentro da transação, o melhor palpite é que poderia ser um desenvolvedor do Ethereum que não realizou o teste adequado dos códigos de aplicativo descentralizados antes de permitir a interação com a Mainnet.

Outro caso parecido

Em 2017, no Bitcoin, um usuário fez uma transação onde pagou uma taxa de 80 BTC.

O dono dessa transação era a Cubits, uma plataforma para a compra e venda de bitcoins. A Cubits fez um post em seu blog explicando como o erro ocorreu.

Após comprovarem ser o dono dos bitcoins, a BTC.com, responsável pela mineração do bloco onde continha a taxa, devolveu à empresa os 80 BTCs.


Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br

O post Usuário paga R$ 1,6 milhão em taxas ao fazer quatro transações de Ethereum apareceu primeiro em Portal do Bitcoin.

Fonte Oficial: Portal do Bitcoin.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!