Vendas de smartphones na China caem mais de 10% em 2018 – Exame

Pequim – As vendas de smartphones na China caíram 10,5% anualizado em 2018 devido aos problemas econômicos e aos ciclos de substituição mais longos, informou nesta quinta-feira a imprensa local.

O portal de notícias China.org.cn, que divulgou relatório elaborado pela empresa de consultoria Corporação Internacional de Dados (IDC), explica que o número total de venda destes dispositivos na China em 2018 foi de 397,7 milhões de unidades.

Embora Xiaomi e Apple continuem se mantendo entre as cinco principais empresas – quarta e quinta, com cotas de mercado de 13,1% e de 9,1%, respectivamente -, o documento as aponta como as principais perdedoras do ano.

A empresa chinesa vendeu 52 milhões de unidades, 5,6% menos; Apple, 36,3 milhões de unidades, 11,7% menos.

No caso da companhia americana, as quedas aconteceram pois seus preços começam a ficar alto demais para o competitivo mercado local, enquanto a Xiaomi teve “problemas com sua lista de produtos e reestruturação interna”. EFE

Fonte Oficial: Exame.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!