EUA encerram acordos comerciais preferenciais com Índia e Turquia – Isto É

(Arquivo) A decisão foi tomada a pedido do presidente americano, Donald Trump – AFP

Os Estados Unidos anunciaram nesta segunda-feira que irão encerrar os acordos comerciais preferenciais com Índia e Turquia, alegando que as duas potências “já não cumprem” os critérios necessários para se beneficiarem do programa”.

“Os Estados Unidos pretendem acabar com o status da Índia e Turquia de países em desenvolvimento beneficiários do GSP (sigla em inglês do Sistema Geral de Preferências)”, programa que lhes permite uma penetração maior no mercado americano, anunciou em comunicado o gabinete do representante americano de Comércio (USTR).

Segundo Washington, a Índia não ofereceu garantias de que permitiria o acesso requerido a seu mercado, enquanto a Turquia está “suficientemente desenvolvida economicamente”, motivo pelo qual ambas não se qualificam mais para o programa.

A nota destaca, ainda, que a decisão foi tomada a pedido do presidente americano, Donald Trump.

Sob o programa GSP, certos produtos podem entrar nos Estados Unidos livres de impostos se os países cumprirem os critérios de elegibilidade, incluindo “proporcionar aos Estados Unidos um acesso equitativo e razoável ao mercado”.

“A Índia implementou uma ampla gama de barreiras comerciais que geram efeitos negativos sérios no comércio dos Estados Unidos”, indica o comunicado.

No caso da Turquia, o USTR alegou que, após ser designada beneficiária do GSP, em 1975, mostrou “um alto nível de desenvolvimento econômico”, o que significa que pode ser “graduada” do programa.

Fonte Oficial: Isto É.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!