Governo da Venezuela lança plataforma de remessa com Bitcoin e litecoin – Portal do Bitcoin

O governo da Venezuela lançou um serviço de remessa de criptomoedas em sua plataforma usada para transações de benefícios dos cidadãos, a Patria, e agora os venezuelanos poderão receber bitcoin e litecoin e trocá-los por bolívares soberanos (Bs.s).

De acordo com a nota publicada no dia 01 de março no site oficial, o novo serviço, criado pela Patria e a Superintendência Nacional de Criptoativos e Atividades Relacionadas (SUNACRIP) é parte do plano de desenvolvimento da plataforma que visa a inclusão financeira e a proteção social.

A SUNACRIP, que é a agência regulatória do país, também estabeleceu um limite mensal, além de taxas por cada transação.

O sistema permitirá que o usuário receba um máximo de criptomoeda equivalente a 50 petros por mês e um saque limitado em bolívares o equivalente a 10 petros — R$ 2 mil e R$ 400, respectivamente.

A Petro é a criptomoeda nacional da Venezuela e seu valor atual é de Bs.s 36.000, cerca de R$ 40,00, de acordo com o governo local.

Condições para receber bitcoin

Nos termos e condições da Patria, para enviar remessas de criptomoedas a pessoa física deve ser maior de idade e residir no país.

Em relação ao acesso, o sistema requer as tradicionais informações, como um endereço de email e dados pessoais — um código de acesso será enviado eletronicamente.

O que muda é que em vez de solicitar um 2FA, o sistema enviará um novo código toda vez que o usuário quiser usar a plataforma. O tempo de duração de acesso é de no máximo 2 horas.

Taxas sobre as criptomoedas

A taxa de transação com criptomoedas não será superior a 15% do valor, mas vai depender do preço do euro, ou seja, pode mudar a qualquer momento conforme volatilidade da moeda europeia.

O valor mínimo de taxa será o equivalente a 0,25 euros (R$ 1,05) em bolívares para cada transação.

A plataforma Pátria vai usar o valor indicado pelo Banco Central da Venezuela (BCV) para determinar o preço do euro na moeda local.

Pressão da Venezuela

O governo do ditador Nicolás Maduro dispensa qualquer pretensão oficial de resgatar o Bolívar ou de introduzir quaisquer reformas econômicas reais que encorajem os venezuelanos.

Essas taxas não condiz com uma realidade criada puramente pela população e que o governo mais atrapalhou do que ajudou.

Os venezuelanos descobriram nas criptomoedas um refúgio em meio à incompetência do governo Maduro.


Negocie criptomoedas na 3xBit

Inovação e segurança. Troque suas criptomoedas na corretora que mais inova do Brasil. Cadastre-se aqui e veja como é simples: https://3xbit.com.br

O post Governo da Venezuela lança plataforma de remessa com Bitcoin e litecoin apareceu primeiro em Portal do Bitcoin.

Fonte Oficial: Portal do Bitcoin.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!