Exportação total de suínos cresce 26,5% em fevereiro, diz ABPA – Isto É

São Paulo, 13 – A exportação total de carne suína (considerando todos os produtos, entre in natura e processados) alcançou 54,09 mil toneladas em fevereiro. O resultado supera em 26,5% o volume de carne suína embarcada no segundo mês de 2018, quando foram exportadas 42,7 mil toneladas, informa a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA).

Em receita, os embarques de carne suína geraram receita de US$ 100,1 milhões no mês passado, resultado 13,5% superior ao saldo de fevereiro de 2018, com US$ 88,2 milhões.

O saldo acumulado das exportações do produto em 2019 (janeiro e fevereiro) alcançou 102,6 mil toneladas, volume 5,65% acima do embarcado no primeiro bimestre de 2018, com 97,1 mil toneladas, graças ao bom desempenho das vendas de fevereiro, diz a ABPA.

Em receita, as vendas totalizaram US$ 191,7 milhões, resultado 4% menor do que o do primeiro bimestre de 2018, de US$ 199,6 milhões.

Reaberto em novembro do ano passado, o mercado da Rússia importou no primeiro bimestre deste ano 11 mil toneladas de carne suína. O país já é o terceiro principal destino do produto brasileiro.

O presidente da ABPA, Francisco Turra, informou em comunicado que a forte elevação das vendas de carne suína para a Rússia e para outros mercados aponta para um horizonte otimista nas exportações do setor. “Neste contexto de recuperação de vendas, é importante manter fluxo de embarques em diversos mercados, para reduzir a dependência em torno de poucos destinos de exportação”, afirmou.

Fonte Oficial: Isto É.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!