Dólar fecha em queda de 1% ante real, atento a cena política e exterior Por Reuters – Investing.com

© Reuters. .

Por José de Castro

SÃO PAULO (Reuters) – O dólar fechou em queda de 1 por cento ante o real nesta segunda-feira, começando em baixa um mês marcado por fluxos sazonais de recursos, conforme investidores embutiram nos preços novo dia de relativa tranquilidade no noticiário político doméstico, em meio a uma sessão positiva para moedas emergentes no exterior.

O dólar à vista terminou esta sessão valendo 3,8763 reais na venda.

A moeda norte-americana subiu 4,32 por cento em março, maior alta mensal desde agosto de 2018.

Na B3, a referência do dólar futuro cedia nesta segunda-feira 1,43 por cento, a 3,8720 reais. As operações no mercado futuro vão até as 18h (horário de Brasília).

O mercado segue reativo ao noticiário político doméstico em torno da articulação para a reforma das aposentadorias. Mas desde a semana passada o fluxo de notícias ajudou a reduzir preocupações nesse front, o que abriu espaço para o ajuste de baixa do dólar.

A cena externa mais propícia a risco também teve efeito nesta sessão. O índice do dólar contra uma cesta de moedas cedia no fim da tarde, enquanto moedas de perfil semelhante ao real, como peso mexicano e rand sul-africano, valorizavam entre 1 por cento e 2 por cento nesta sessão.

“A maioria dos ativos e das moedas emergentes deve apreciar a partir de agora”, disseram estrategistas do Morgan Stanley (NYSE:) em nota a clientes, citando dados melhores na China e sinais de progresso nas negociações comerciais entre Pequim e Washington.

No campo doméstico, além do cenário político, o mercado monitora a intensificação das exportações da safra de , um dos principais componentes da pauta de exportação do Brasil. Em 2018, abril respondeu, sozinho, por 15 por cento das vendas externas da oleaginosa ao longo do ano.

A Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais (Abiove), contudo, estima queda de 20 por cento nas receitas em dólar com exportações do complexo soja em 2019 ante 2018. As receitas deverão alcançar 32,820 bilhões de dólares neste ano, contra 40,914 bilhões de dólares em 2018.

Declaração de Riscos: Fusion Media would like to remind you that the data contained in this website is not necessarily real-time nor accurate. All CFDs (stocks, indexes, futures) and Forex prices are not provided by exchanges but rather by market makers, and so prices may not be accurate and may differ from the actual market price, meaning prices are indicative and not appropriate for trading purposes. Therefore Fusion Media doesn`t bear any responsibility for any trading losses you might incur as a result of using this data.

Fusion Media or anyone involved with Fusion Media will not accept any liability for loss or damage as a result of reliance on the information including data, quotes, charts and buy/sell signals contained within this website. Please be fully informed regarding the risks and costs associated with trading the financial markets, it is one of the riskiest investment forms possible.

Fonte Oficial: Investing.com.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!