IPO da Centauro: Entre Nessa Corrida Para Ganhar – Investing.com

A Centauro é a maior varejista de produtos esportivos da América Latina. A companhia possui 192 lojas físicas localizadas em shopping centers, com participação de mercado de 5,5% no varejo esportivo.

A estratégia de atuação da Centauro utiliza uma plataforma omnichannel, com operações integradas nas lojas físicas, site (desktop e mobile) e aplicativo mobile. As vendas digitais representaram 16% das vendas totais em 2018.

Nossa recomendação é entrar na oferta (IPO) da Centauro. O investimento permite uma exposição ao setor de varejo, com oportunidade de crescimento das vendas digitais através da combinação de todos os canais de vendas (omnichanel).

Os principais pontos da nossa tese de investimento:

  1. Boas perspectivas de crescimento das vendas de varejo esportivo, acima da média das vendas no varejo;

  2. Poder de marca da Centauro na relação com as empresas fornecedoras de material esportivo (ex: Nike, Adidas);

  3. Crescimento das vendas digitais através do omnichannel (até 25% das vendas totais);

  4. Uso dos recursos da oferta para reduzir o endividamento (R$ 340 milhões) que tem custo elevado (CDI+3% ao ano);

  5. Crescimento do lucro líquido projetado de 20% em 2020.

Nossa recomendação é de COMPRA para as ações da Centauro até o preço de oferta de R$ 14,00 por ação.

Considerando a faixa média de preço de R$ 13,40 por ação, o múltiplo preço/lucro 2019 projetado da Centauro é de 18,5 x., desconto de 29% em relação ao múltiplo de Renner (SA:), empresa referência em termos de execução e rentabilidade.

O principal risco é a execução do crescimento das lojas e das vendas digitais.

A Centauro retomou o seu processo de IPO após ter entregue um excelente resultado em 2018, com um track record de execução mais relevante. Acreditamos que a Administração da companhia deverá entregar o crescimento esperado de lojas, vendas e aumento do uso dos canais digitais, pois possui bom posicionamento estratégico no mercado de artigos esportivos.

Análise Financeira

A principal avenida de crescimento da Centauro é o crescimento das vendas digitais, que representaram 16% da receita líquida da companhia em 2018 (13% em 2017).

A companhia espera que as vendas digitais representem cerca de 25% das vendas totais em 2020.

A plataforma digital da Centauro ultrapassou a marca de 1 milhão de clientes ativos ao longo do ano de 2018.

A receita líquida da empresa apresentou crescimento de 16% em 2018 em relação ao mesmo período do ano anterior.

Projetamos crescimento anual da receita líquida de 13% em 2019 e 13% em 2020, sempre em comparação ao ano anterior. Importante observar que a base de comparação das vendas em 2018 é bastante alta, devido ao efeito positivo das vendas durante a Copa do Mundo, com cerca de 1,5% de crescimento nas vendas mesmas lojas durante o período.

Com o crescimento da receita líquida, projetamos aumento da margem Ebitda para 12% em 2019 e 13% em 2020, comparado à margem de 11,5% em 2018.

Importante observar que o lucro líquido de R$ 148,8 milhões em 2018 foi positivamente afetado por um ganho tributário referente à imposto diferido de R$ 64,5 milhões.

A projeção da Centauro com realização de ganhos com impostos diferidos é de R$ 20 milhões em 2019 e R$ 25 milhões em 2020.

A margem líquida ajustada (ex imposto diferido) foi de 3,7% em 2018. Esse efeito do imposto diferido será bem menor a partir de 2019.

A empresa possui um baixo nível de endividamento antes da oferta, com relação dívida líquida/Ebitda de apenas 0,4 x em dezembro de 2018.

Os recursos líquidos da oferta totalizarão R$ 685 milhões na faixa média do preço da oferta.

Do total dos recursos líquidos da oferta, R$ 340 milhões serão utilizados para amortizar dívidas com alto custo (CDI+3% ao ano). As despesas financeiras líquidas totalizaram R$ 92 milhões em 2018 (R$ 203,5 milhões em 2017).

Do total de recursos da oferta, R$ 202 milhões serão utilizados para investimento na abertura e reformas das lojas. A companhia espera inaugurar 13 lojas em 2019, 20 lojas em 2020 e 25 lojas em 2021; crescimento de 13% na quantidade de lojas em três anos.

Fonte Oficial: Investing.com.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!