Ibovespa Sofre Com o “House of Cards” Brasileiro e Cai Mais Uma Vez – Investing.com

Bom dia Investidores,

Ontem o caiu pela 3ª vez seguida, a queda foi de 1,25%, fechando aos 94.755 pontos. O volume voltou a ser fraco, com apenas R$ 11,6 bilhões, com o mercado cauteloso com a política, mas vale lembrar que segunda tem vencimento de opções e isso por si só já mantem os investidores mais apreensivos.

Falando em política, ontem teve um evento da XP Investimentos em Nova York sobre os 100 primeiros dias de Bolsonaro, aonde compareceram muitas figuras importantes de jogo político, do “House of Cards” brasileiro. Um deles foi Rodrigo Maia, que mais uma vez criticou a falta de defesa da reforma pelo presidente, porém destacou que vê melhoras nesse cenário, já que Bolsonaro se aproximou mais dos líderes dos partidos.

Outra figura importante foi Paulo Guedes, que mais uma vez defendeu a reforma, porém para esse público do evento, diferentemente do que vimos na CCJ, conhece mais as necessidades das contas públicas do Brasil e foi uma conversa muito mais tranquila e amena.

E para piorar, a PGR pediu mais 60 dias para concluir um inquérito para investigar Maia e seu pai, César Maia, pois há indícios de pagamento de R$ 1,4 milhão para os dois, por propina da Odebrecht e isso com certeza também mexe com o ambiente político.

Todo esse problema, causou uma mudança na pauta da CCJ, o relatório do deputado Marcelo Freitas (PSL-MG) sobre a reforma da previdência será apenas após a votação da PEC do Orçamento impositivo, cedendo a pressão dos partidos chamados de Centrão.

Com isso, as ações tiveram um dia ruim na bolsa, começando pela Petrobras (SA:), que caiu 2,41% por algo preocupa aqui: a empresa voltou atrás e desistiu do reajuste que seria feito sobre o preço do diesel, aumentando em 5,74%, que aconteceu horas depois do fechamento do mercado. Além disso Onyx Lorenzoni, ministro da Casa Civil, afirmou que o diesel é importante para os caminhoneiros e para o transporte de cargas. Com muitos representantes da escola de Chicago no governo, é dever saber que intervir em uma estatal principalmente para garantir o preço é desastroso. Vimos a ex-presidente Dilma Rousseff fazendo a mesma coisa, o governo não deve interferir na empresa, simples assim, essa intervenção deve afetar ainda mais o preço do papel já que outras empresas também podem sofrer com essa intervenção do governo.

Já as ações da Vale (SA:) ficaram estáveis com alta de 0,06%. Em compensação os bancos caíram, o Itaú (SA:) caiu 2,32%, o Bradesco (SA:) recuou 1,59%, Banco do Brasil (SA:) perdeu 1,13%, Santander (SA:) cedeu 1,24%, enquanto o Banco Inter (SA:) recuou 2,04%.

Ontem as maiores altas do Ibovespa foram a B2W ((SA:)) que negocia a compra da NetShoes, que subiu 5,32%. Já a Braskem(SA:) subiu 3,44%, enquanto as ações da CCR (SA:) subiram 2,09%.

Na parte de baixa, a MRV (SA:) caiu 3,62%, a BR Malls(), que teve sua nota rebaixada pela Morgan Stanley (NYSE:), recuou 3,57% e a Cielo (SA:) caiu 3,50%.

Indo para o , a moeda voltou a fechar em alta, subindo 0,92% e fechando em R$ 3,86, ontem o real caiu bastante em relação as principais moedas, resultado desse jogo político. O euro subiu 0,74% para fechar em R$ 4,34.

Já os DIs adicionaram prêmio na curva, colocando mais risco, o DI jan 2021 subiu de 7,09% para 7,13%, enquanto do DI Jan 2025 subiu de 8,78% para 8,79%.

Na agenda hoje teremos a pesquisa mensal do setor de serviços pelo IBGE às 9 horas, apesar da agenda fraca, vamos acompanhar Paulo Guedes e Roberto Campos Neto cumprindo agenda em Washington.

Indo para os Estados Unidos o dia foi calmo, com as bolsas fechando de lado, o subiu 0,06%, o ficou no zero a zero, enquanto o caiu 0,21%. O mercado por lá acompanha o fim da guerra comercial com a China e o início dessa mesma guerra com a União Europeia, além disso vamos iniciar o ciclo de balanços do terceiro trimestre.

Hoje já teremos os resultados de JP Morgan e Wells Fargo, além disso na agenda vamos ter o índice de preços das importações em março às 9h30 e leitura preliminar do sentimento do consumidor às 11h.

Na Europa as bolsas abriram em alta, com Frankfurt subindo 0,31%, Londres subindo 0,40%, Paris subindo 0,13% e Madri subindo 0,03%. Por lá teremos na agenda a produção industrial de fevereiro na zona do euro.

Indo para a Ásia, a China divulgou os dados da balança comercial com superávit em março, bem acima do esperado, se recuperando do cenário ruim em fevereiro. Por lá as bolsas fecharam em cenários mistos, com Tóquio subindo 0,73%, Shanghai caindo 0,04%, Hong Kong caindo 0,06% e Seul subindo 0,41%.

Ontem saiu o relatório de com queda na oferta, conforme combinado na OPEP, porém apenas os sauditas tem cumprido firme esse acordo, isso fez com que o preço do barril caísse. O WTI recuou 1,59% e o caiu 1,25%.

Já as criptomoedas estão em baixa nas últimas 24 horas. Com o caindo 3,89%, a caindo 4,95% e a caindo 5,06%.

Ótima sexta e bons negócios!

Por Fabio Louzada – Eu me banco!

Acorda Mercado – Ano II, Edição 148

Youtube: www.youtube.com.br/eumebanco
Spotify (NYSE:): Eu me Banco!
SoundCloud: Eu me Banco!
ITunes: Eu me Banco!
Instagram: @fabioalouzada / @eu_mebanco
Linkedin: www.linkedin.com/in/fabiolouzadain

{{yt-yG-anduABTA|Ibovespa sofre com o House of Cards brasileiro e cai mais uma vez | Acorda Mercado 12/04}}

Fonte Oficial: Investing.com.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!