Major Vitor Hugo admite aprovação da Previdência no início do 2º semestre – Exame

Brasília – O líder do governo na Câmara, Major Vitor Hugo (PSL-GO), admite a possibilidade de que a reforma da Previdência seja aprovada no início do segundo semestre pelo Senado. Para ele, o ideal é que a medida passe até junho em ambas as Casas, mas diz que não quer atropelar prazos e que o mais importante é que os efeitos fiscais da aprovação da reforma da Previdência se deem ainda neste ano.

“O governo vai trabalhar para que seja aprovada o quanto antes nas duas Casas (Câmara e Senado). O ideal para nós é que seja no primeiro semestre. Até porque há um esforço no Senado que já até criou uma comissão especial para acompanhar os trabalhos dos deputados e, na sequência, facilitar a tramitação lá”, disse ele ao Estadão/Broadcast Político.

“Nós trabalhamos com a ideia de que seja aprovado no primeiro semestre e gostaríamos que isso acontecesse”, afirmou. “Mas, como são duas Casas legislativas, não queremos atropelar prazos e passos processuais para não haver questionamentos depois”, acrescentou.

Fonte Oficial: Exame.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!