Primeiro prédio de luxo a ser vendido por Bitcoin está com obras paradas em Dubai – Portal do Bitcoin

O Aston Plaza de Dubai, um grande projeto imobiliário de Bitcoin (BTC), estaria interrompendo suas operações, conforme publicou o jornal britânico The Times em 28 de abril.

O projeto de US$ 325 milhões — desenvolvido pela dona da marca de lingerie Ultimo, Michelle Mone, e seu parceiro bilionário Douglas Barrowman em 2017 — inclui 1.300 apartamentos de luxo, com pelo o menos 150 unidades projetadas para serem vendidas em Bitcoin.

Anunciada como primeira iniciativa deste tamanho para compras em criptomoedas, o Aston Plaza inicialmente oferecia estúdios no valor de US$ 130.000, cerca de 15 BTC em fevereiro de 2018, assim como apartamentos de dois quartos por US$ 380.000, valor de cerca de 45 Bitcoins. Como publicado pelo Cointelegraph, os empreendedores venderam 50 apartamentos em Bitcoin em fevereiro de 2018.

De acordo com o website do Aston Plaza, a iniciativa agora oferece estúdios e apartamentos de um ou dois quartos ao custo inicial de 9 BTC; porém, o site diz que o preço é atrelado ao câmbio do dólar dos EUA por Bitcoin de 8 de janeiro de 2018, fazendo 9 BTCs serem equivalentes a cerca de US$ 147.000.

Problemas em Dubai

Como noticado pela CNBC, o projeto foi programado primeiramente para ser completado em setembro de 2019.

No entanto, citando inspetores do governo que visitaram o local em janeiro do ano passado, o The Times informa que a construção do empreendimento parou. Conforme apresentado no site do projeto, 25% do projeto foi construído até o momento, com mais de 400 apartamentos já vendidos.

Mone já havia fundado uma outra iniciativa cripto conhecida como Equi Capital, de acordo com a agência de notícias de tecnologia The Next Web. O projeto Equi — que teria o envolvimento do co-fundador da Apple Steve Wozniak — foi iniciamente preparado para lançar uma oferta de moeda inicial (ICO).

Depois de uma pré-venda de US$ 7 milhões, a ICO foi posteriormente cancelada, com os investidores sendo ressarcidos por falta de interesse e falhas na prospecção de mercado.

Em fevereiro do ano passado, a maior empresa imobiliária dos Emirados Árabes, Emaar Properties, negou oficialmente a notícia de que permitiria pagamentos cripto por propriedades.

*Conteúdo disponibilizado por parceria entre Portal do Bitcoin e Cointelegraph


3xBit

Inovação e segurança. Troque suas criptomoedas na corretora que mais inova do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://3xbit.com.br

O post Primeiro prédio de luxo a ser vendido por Bitcoin está com obras paradas em Dubai apareceu primeiro em Portal do Bitcoin.

Fonte Oficial: Portal do Bitcoin.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!