Crise na Venezuela pode elevar preços de combustíveis, diz Bolsonaro – Exame

São Paulo – O presidente da República, Jair Bolsonaro, reconheceu que a crise na Venezuela pode elevar os preços do petróleo, e, assim, encarecer os combustíveis no Brasil, dada a política de reajustes da Petrobras. “Uma preocupação existe sim. Com essa ação, com embargos, o preço do petróleo, a princípio, sobe, e nós temos de nos preparar, dada a política da Petrobras de não intervencionismo nessa parte. Poderemos ter um problema sério dentro do Brasil como efeito colateral do que acontece lá na Venezuela”, admitiu.

Mas o presidente reforçou a política da companhia e disse que vai “conversar” para se “antecipar” a problemas externos. “A política de reajuste adotada pela Petrobras é essa, e vamos conversar para nos antecipar a problemas de fora que vieram de forma bastante grave aqui para dentro do Brasil.”

Bolsonaro deu as declarações após participar de um encontro para discutir a situação da Venezuela, que reuniu o estado maior das Forças Armadas, comandantes dessas forças, o ministro de Relações Exteriores (MRE), Ernesto Araújo, e o ministro do GSI, general Augusto Heleno.

Fonte Oficial: Exame.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!