Centrão discute reforma “que não reeleja Bolsonaro”, diz Paulinho – Exame

São Paulo – O líder da Força Sindical, Paulinho da Força, afirmou que os partidos que se reúnem no grupo conhecido como “Centrão” discutem o apoio a uma reforma da Previdência que não garanta a recondução de Jair Bolsonaro ao poder.

“O que estamos discutindo dentro do Centrão é que precisamos fazer uma reforma que não garanta a reeleição de Bolsonaro”, disse o deputado federal pelo Solidariedade.

“R$ 800 bilhões garantem, de cara, e reeleição dele. Se dermos 800 (bilhões de reais) como disse ele, significa que nos últimos 3 anos dele (Bolsonaro, na Presidência), há (R$) 240 bilhões ao ano para gastar. Eu acho que temos de ter (economia) em torno de (R$) 500 bi. (R$) 600 (bilhões) seria o limite para essa reforma”, defendeu, durante evento das centrais sindicais, em São Paulo, nesta quarta-feira, 1º de maio, Dia do Trabalho.

Segundo Paulinho, com uma reforma desidratada se garante a chance de outros partidos disputarem (a Presidência em 2022).

“Com esse discurso, tenho certeza que a gente traz todo mundo do Centrão, porque ninguém quer a reeleição de Bolsonaro”, afirmou o deputado.

Fonte Oficial: Exame.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!