Intenção de consumo das famílias cai 1,7% de abril para maio, diz CNC

A Intenção de Consumo das Famílias recuou 1,7% na passagem de abril para maio deste ano, segundo dados divulgados hoje (23) pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). Com o resultado, o indicador caiu para 94,6 pontos, em uma escala de zero a 200 pontos.

A queda foi provocada principalmente por avaliações mais negativas sobre a perspectiva de consumo (-3,6%) e sobre a perspectiva profissional (-3%). O único dos sete componentes a apresentar alta foi o nível de consumo atual (0,4%).

Na comparação com maio do ano passado, no entanto, a Intenção de Consumo das Famílias cresceu 8,6%, devido principalmente às avaliações sobre o nível de consumo atual (com crescimento de 16%), sobre a intenção de compra a prazo (11,3%) e sobre a renda atual (10,9%).

Edição: Valéria Aguiar

Fonte Oficial: EBC.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!