De Olho no Clima, Mercado Cafeeiro Avança na Semana – Investing.com

Os contratos futuros do avançaram nos mercados internacionais ao longo da semana encerrada ontem, 4 de julho. O impulso foi dado por previsões climáticas para as regiões produtoras brasileiras, que indicam possibilidade de geadas a partir deste sábado.

O comercial também forneceu suporte, recuando abaixo de R$ 3,80 na comparação com o real diante da aprovação do texto-base da reforma da Previdência na Comissão Especial da Câmara. A moeda norte-americana encerrou o pregão de ontem a R$ 3,7993, acumulando perda semanal de 1,1%.

A respeito da Reforma da Previdência, após atuação da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA), apoiada pelo Instituto Pensar Agro (IPA), do qual o Conselho Nacional do Café (CNC) é parte, a versão final do relatório da PEC 6/2019, aprovada na Comissão Especial ontem, manteve as isenções das contribuições sociais sobre as exportações agropecuárias, dispostas na Emenda Constitucional n° 33, de 2001.

“Essa conquista está em linha com a atuação do CNC, que constantemente tem defendido, em Brasília (DF), que não podemos exportar tributos. Continuaremos atentos à tramitação da reforma da Previdência, matéria muito importante para o futuro do Brasil, que ainda precisará ser votada em dois turnos nos plenários da Câmara dos Deputados e no Senado Federal”, analisa o presidente da entidade, Silas Brasileiro.

Na Bolsa de Nova York, o vencimento setembro/19 do contrato “C” acumulou ganhos de 695 pontos na semana, fechando a sessão de quinta-feira (4) a US$ 1,1365 por libra-peso. Na ICE Europe, o vencimento setembro do café fechou a US$ 1.474 por tonelada, avançando US$ 44 no acumulado semanal.

Em relação ao clima nas regiões produtoras brasileiras, foco dos participantes do mercado, a Somar Meteorologia prevê que uma frente fria avança pela Região Sudeste nesta sexta-feira e organiza muitas instabilidades. A previsão é de chuva em São Paulo, boa parte de Minas Gerais, Rio de Janeiro e sul do Espírito Santo. Ao mesmo tempo, as temperaturas despencam conforme o dia passa.

Para amanhã, segundo a Somar, o tempo fica firme na maior parte do Estado de São Paulo e Minas Gerais, com previsão de geadas entre o oeste e o centro paulista. No domingo, há condição para formação de geadas amplas no interior de São Paulo, sul de Minas Gerais e Triângulo Mineiro. O serviço meteorológico informa, ainda, que diversas cidades podem registrar suas manhãs e tardes mais frias do ano.

No mercado físico, os preços acompanharam o desempenho internacional e evoluíram no acumulado da semana até ontem. Os indicadores calculados pelo Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea) se situaram em R$ 451,45/saca e a R$ 295,06/saca, respectivamente, com altas de 3,9% e 0,3%.

No que se refere à liquidez, os pesquisadores do Cepea comentam que a alta possibilitou o fechamento de negócios no noroeste do Paraná e no Sul de Minas Gerais e Cerrado Mineiro, tanto no spot quanto no mercado futuro. Entretanto, “parte dos produtores permaneceu retraída, à espera de melhores estimativas sobre o clima no fim de semana”.

Cotações Café Arábica

Fonte Oficial: Investing.com.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!