Governo brasileiro pode liberar R$ 43 milhões para projetos Blockchain e IoT – Portal do Bitcoin

O Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), por meio do Conselho Gestor do Fundo para o Desenvolvimento Tecnológico das Telecomunicações (FUNTTEL), aprovou um investimento de até R$ 43 milhões projetos de blockchain e IoT.

De acordo com a publicação no Diário Oficial da União na terça-feira (09), o recurso faz parte do Plano de Aplicação de Recursos (PAR) de 2019 a 2021 da Fundação CPqD (Centro de Pesquisa e Desenvolvimento).

Com sede em Campinas (SP), o CPqD é um dos maiores centros de pesquisa e desenvolvimento em telecomunicações e TI da América Latina.

A instituição possui projetos em fases de desenvolvimento na área e Blockchain e Internet das Coisas (IoT), como, por exemplo, o ‘BlockIoT’, uma solução de identidade digital de pessoas e coisas, iniciado com o apoio do FUNTTEL .

Blockchain e DLT

Um dos objetivos do projeto IoT-Blockchain Fase 2 é o desenvolvimento de componentes para uma ou mais plataformas computacionais de código aberto para implementar aplicações seguras baseadas em distributed ledger technology (DLT).

Contudo, “o foco é a prestação de serviços digitais em IoT”, disse a assessoria de imprensa do CPqD ao Portal do Bitcoin.

Já o projeto ‘Plataforma IoT’ visa desenvolver e demonstrar tecnologias destinadas a aplicações do tipo Cidades Inteligentes, com foco em Segurança Pública, Mobilidade Urbana e Saúde Pública.

Sobre o projeto Teranet, o objetivo é o desenvolvimento de inovações no Processamento de sinais para implementação em circuitos integrados, dispositivos em fotônica integrada, transceptores ópticos, transmissão óptica e interconexão de data centers.

Liberação depende do orçamento

Contudo, a liberação dos valores previstos no artigo está condicionada à aprovação das Leis Orçamentárias Anuais dos exercícios correspondentes, diz o documento assinado pelo presidente do Conselho Gestor, Vitor Elisio Góes de Oliveira Menezes.

Sobre o Teranet (Fase 2) e o IoT-Blockchain (Fase 2), o ofício diz que antes da contratação dos projetos pela Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), que deve observar todas as orientações previstas na Resolução, deve-se aguardar a aprovação pelo Conselho Gestor do Funttel.

De acordo com o ofício, liberados os recursos, eles devem ser aplicados nos projetos da seguinte forma:

Plataforma IoT — R$ 10.000.000,00, R$ 7.700.000,00 e 3.483.906,00, respectivamente para os anos 2019, 2020 e 2021;

Teranet (Fase 2) — R$ 3.500.000,00, R$ 5.526.000,00 e R$ 4.800.000,00 (2019, 2020 e 2021, respectivamente);

IoT-Blockchain (Fase 2) — R$ 3.000.000,00, R$ 2.301.503,00 e R$ 472.211,00, também para os próximos três anos.


Compre Bitcoin na Coinext 

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br

O post Governo brasileiro pode liberar R$ 43 milhões para projetos Blockchain e IoT apareceu primeiro em Portal do Bitcoin.

Fonte Oficial: Portal do Bitcoin.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!