Rede Globo faz sua melhor reportagem sobre bitcoin e criptomoedas – Portal do Bitcoin

A Rede Globo voltou a abordar o tema Bitcoin e Criptomoedas em um vídeo intitulado ‘Moeda digital: entenda como funciona’ publicado no sábado (13) através do programa ‘Como será?’.

Renata Capucci, apresentadora do programa, anuncia a reportagem conduzida pelo jornalista Rogério Coutinho. Considerando os trabalhos anteriores da emissora, a matéria desta vez tem muito mais a oferecer.

Capucci introduz:

“Como será que faz transações bancárias pela internet sem escorregar em erros de digitação ou cair nas mãos de hackers? Tem um jeito novo de fazer isso”.

A apresentadora simula colocar duas moedas físicas em um porquinho que representa um cofre virtual. “Em instantes elas se transformam numa sequência de números e algoritmos, ou seja, moedas digitais”.

Antes de o repórter Rogério Coutinho entrar em ação, ela antecipa que são muitas as dúvidas sobre o mercado de criptomoedas.

Dinheiro e Bitcoin

A reportagem começa apresentando as cédulas físicas de reais de diversos valores.

“Tá na mão, dá pra sentir, ver as cores, o tamanho, e saber o que dá pra comprar com esse dinheiro”, diz o repórter.

Ele continua:

“Agora, e se eu disser que uma nota dessa pode se transformar em uma sequência única de códigos, que não dá pra pegar na mão, que percorre pra lá e pra cá em transações por cabos, linhas de satélite, ondas de wifi, e que tudo é organizado por programa de computador? Eu ainda estou falando de dinheiro”, conclui.

Destaque para o bitcoin

Com o apoio do professor de Inovação e Empreendedorismo da PUC-RJ, Luis Felipe Carvalho, o repórter explica, resumidamente, o funcionamento do mercado de criptomoedas desde a sua criação.

O Bitcoin passa, então, a ser o protagonista da reportagem, que o chamou de “uma avanço, uma marco realizado por Satoshi Nakamoto”, frisando sua quantidade limitada de 21 milhões de unidades.

“A moeda digital tem valor e abre possibilidades que prometem transformar nossa relação com o dinheiro”.

Carvalho disse que é uma nova forma de dinheiro que está surgindo, mas que é importante dizer que ainda está muito no início.

O que está sendo discutido, na verdade, disse ele, são as formas de troca de valor entre as pessoas no meio digital.

A reportagem explica também a função da blockchain — o sistema de registro que dá transparência e segurança a qualquer transação em bitcoin.

No entanto, o professor comenta sobre a demora de uma confirmação. Segundo ele, qualquer operação demora pelo menos 10 minutos e isto seria um problema:

“Bitcoin não é nada prático para microtransações do dia a dia”.

Contudo, eles não abordaram sobre as taxas, que dependendo do valor, a confirmação pode acontecer em muito menos tempo.

Alertas sobre o mercado

A reportagem também alerta sobre golpes com criptomoedas, pois há muita gente se aproveitando da falta de conhecimento das pessoas sobre o novo mercado.

“Estudar mais sobre o assunto e cautela na hora de investir”, sugere.

Outro ponto que foi abordado, é que o novo mercado gera novas oportunidades de trabalho.

O professor acredita que o criptomercado é uma área bastante promissora e sugere que as pessoas estudem mais sobre o setor.

Ao final, a matéria sugere que o fim das cédulas físicas não deve estar muito longe de acontecer.

“Parece ser uma questão de tempo e adaptação para que as moedas digitais evoluem a ponto de acharmos que bolso vazio seja simplesmente uma agradável modernidade”.

Globo e bitcoin

A Rede Globo já abordou o tema das criptomoedas por várias vezes e em diversos programas da rede — sem contar a atividade habitual de Samy Dana na emissora, comentando sobre o mercado financeiro, onde também comenta sobre criptomoedas.

Mais recentemente, durante um jornal da GloboNews, ele disse “Se você tem estômago e estudo, o bitcoin pode ser uma aposta”.

Outras matérias foram com especialistas brasileiros. Em janeiro deste ano, Christiane Pelajo mostrou um pouco sobre a inovação tecnológica que surgiu junto com o bitcoin.

A emissora também abriu espaço para se fazer humor com bitcoin.

Em março, a criptomoeda foi abordada no programa ‘Tá no Ar: a TV na TV’ que exibiu uma esquete sobre o bitcoin através de uma propaganda de uma empresa fictícia chamada ‘Bitcoin do Fabinho’, personagem interpretado pelo ator Marcelo Adnet.


Compre criptomoedas na 3xBit

Inovação e segurança. Troque suas criptomoedas na corretora que mais inova do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://3xbit.com.br

O post Rede Globo faz sua melhor reportagem sobre bitcoin e criptomoedas apareceu primeiro em Portal do Bitcoin.

Fonte Oficial: Portal do Bitcoin.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!