Nova associação vai focar em defender clientes de corretoras brasileiras de criptomoedas – Portal do Bitcoin

Com o objetivo de defender os direitos de clientes de corretoras de criptomoedas, um grupo de entusiastas, investidores e estudiosos anunciou a criação da Associação dos Clientes de Corretoras de Criptoativos (ACCripto).

Entidade foi pensada após uma série de problemas relacionados a algumas corretoras de criptomoedas que usaram o novo mercado para fraudar e prejudicar clientes, segundo o comunicado de imprensa da ACCripto.

“O resultado demonstrado nos últimos anos é uma série de problemas em corretoras brasileiras, seja em fraudes que atingem usuários, dificuldades de saque, sumiço de saldo e tantos outros problemas que o ordenamento jurídico não está preparado para dirimir”, diz a nota.

Associação quer reduzir riscos

A ACCripto vai criar mecanismos que diminuam os riscos para clientes de corretoras e estabelecer uma parceria com o Ministério Público para o aumento de transparência e segurança, diz o texto.

A entidade diz que irá participar de discussão do regramento de criptoativos no Brasil, oferecendo sugestões por meio da criação de Câmaras Temáticas.

Isso envolve criar níveis de transparência e solvência de corretoras através de critérios pré-estabelecidos, como um selo de integridade, por exemplo, que constate o real volume de criptoativos.

A instituição promete criar um mecanismo que identifique e denuncie esquemas de pirâmide financeira, um dos maiores problemas que atinge o criptomercado, bem como apoiar vítimas de fraudes relacionadas ao setor.

A associação vai apoiar órgãos públicos e autoridades responsáveis no desenvolvimento de organismo oficial para custódia de criptoativos em ações judiciais e habilitar peritos, especializados em criptoativos, para atuar em processos consultivos e judiciais.

Apoios

A ACCripto vai contar com o apoio do advogado Antônio Eduardo Gonçalves de Rueda, que recentemente foi empossado presidente da Comissão Especial de Criptomoedas e Blockchain pelo Conselho Federal da Ordem do Advogados do Brasil (OAB).

Segundo o empresário Diego Martins, sócio da Union Trade e um dos responsáveis pela iniciativa, a Associação também vai contar com o apoio dos deputados federais Felipe Francischini e Júnior Bozzella, ambos do PSL.

Os dois parlamentares fazem parte da Comissão Especial que vai discutir a regulação de criptoativos pelo Banco Central.

“O surgimento da ACCripto deu-se na identificação da falta de direcionamento das pessoas credoras do Bitcoin Banco, obviamente o Grupo não é o único na história de ativos digitais do Brasil a apresentar problema, a história apresenta várias. Contudo pelo volume de investidores e investimento, trata-se do maior escândalo envolvendo uma corretora de criptomoedas do Brasil”, disse ao Portal do Bitcoin.

Para ele, a falta de interlocução e pautas claras fazem com que o devedor seja beneficiado pela desorganização. Por isso, criar critérios que possibilitem reduzir riscos a investidores é uma das principais ações a serem tomadas.

Ele disse que a ACCripto estará de portas abertas para quem se interessar e desejar contribuir. “Será um processo colaborativo”.

Registro da Associação

De acordo com Martins, a Associação deverá estar juridicamente constituída em agosto, assim como o lançamento do site.

“Nesse momento estamos definindo os quadros da associação”.

Ele acredita que na segunda semana de agosto a ACCripto já estará pronta para se apresentar e também participar da discussão da PL 2060/19 em Brasília.

Associações de criptomoedas

O crescimento do setor de criptomoedas e blockchain no Brasil fez com que fossem criadas duas associações cujos objetivos eram participar para do processo de regulamentação, visando a defesa do setor.

No ano passado foram criadas a ABCripto (Associação Brasileira de Criptoeconomia) e a ABCB (Associação Brasileira de Criptoativos e Blockchain).


 Compre criptomoedas na 3xBit

Inovação e segurança. Troque suas criptomoedas na corretora que mais inova do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://3xbit.com.br

O post Nova associação vai focar em defender clientes de corretoras brasileiras de criptomoedas apareceu primeiro em Portal do Bitcoin.

Fonte Oficial: Portal do Bitcoin.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!