Flávio Augusto, do Geração Valor: “Toda pirâmide financeira se disfarça de marketing multinível” – Portal do Bitcoin

Na última segunda-feira (22), o fundador da Wise Up e do blog Geração de Valor, Flávio Augusto Silva, que costuma falar sobre motivação e empreendedorismo, voltou a tocar no assunto das pirâmides financeiras por meio de uma vídeo no Youtube.

“Vamos diferenciar o que é pirâmide e marketing multinível. Pirâmide é crime!”, já comentava em 2016 .

Dessa vez, empresário disse que o que o motivou a tocar no assunto foi uma sucessão de pedidos de várias pessoas, inclusive seus amigos pessoais pediram sua opinião sobre esse tipo de golpe.

No entanto, ele disse que não sabe o que está acontecendo no mercado brasileiro, mas como muita gente o perguntou sobre o assunto ele resolveu dar algumas dicas, sobre o que é pirâmide financeira e como identificá-las.

Empresário classifica pirâmide

“Pirâmide financeira é um termo usado para classificar aquele tipo de negócio insustentável que depende da adesão contínua de pessoas para que ele fique de pé”, falou o empresário.

Ele explicou então o funcionamento, como a entrada de pessoas que têm que levar outras para que o negócio comece a gerar dinheiro em cima dessa pessoa, e isso torna o empreendimento insustentável.

“Vai chegar em algum nível que vai faltar a população do mundo para que você consiga atender a promessa feita para aquela pessoa. E isso torna o negócio absolutamente insustentável”, explicou.

Toda pirâmide tem otários

Para explanar, Flávio faz uma analogia com o golpe do ‘bilhete premiado’.

Neste tipo de golpe, explica, a pessoa diz que tem um bilhete premiado e que não sabe ler e aparece um ‘olhudo’, uma pessoa que acha que vai dar a volta no otário, dá o dinheiro para ele e pega o ‘bilhete premiado’. No final, ele tomou um golpe.

“Todo golpista se vale do fato de existir um outro cara que também quer ser golpista e aí o mais otário sempre vai cair na conversa do golpista menos otário, porque não tem golpista que não seja otário porque uma hora a casa cai. Toda pirâmide um dia explode — gente vai presa, gente é processada, gente que perde tudo”.

Tipos de pirâmides

No vídeo, Flávio Augusto comenta vários tipos de golpe, citando a pirâmide tradicional, que é aquela que o investidor é persuadido a aplicar uma certa quantia com a promessa de lucro garantido.

Fala também das famosas pirâmides financeiras que envolvem atrativos como ouro, gado e criptomoedas.

Marketing multinível

“As pirâmides financeiras se escondem, se travestem para poder enganar as pessoas através do marketing multinível, diz Flávio.

Ele aponta que quase toda pirâmide financeira diz que é marketing multinível, mas que nem todo o marketing multinível é uma pirâmide financeira.

Ele defende o marketing multinível como um negócio legal, que cresce em todo o mundo e gera emprego com a venda direta de produtos.

“Tem muita gente ganhando dinheiro de forma honesta com o marketing multinível”, disse.

No entanto, ele alerta que a principal fonte de renda dessas empresa têm que ser por meio da venda de produtos e não através da entrada de novos associados. Desta forma, a instituição estaria burlando a lei.

Inclusive o empresário explica que um negócio ilícito dá sinais quando se trata de uma pirâmide financeira, quando por exemplo, a publicidade sobre os ganhos é maior que as propagandas sobre o produto. “Tem que pesquisar”, aconselha Flávio.

O vídeo de Flávio termina com o seguinte alerta:

“Não existe dinheiro fácil. Não existe atalho. Não seja olho grande”.


 Compre criptomoedas na 3xBit

Inovação e segurança. Troque suas criptomoedas na corretora que mais inova do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://3xbit.com.br

O post Flávio Augusto, do Geração Valor: “Toda pirâmide financeira se disfarça de marketing multinível” apareceu primeiro em Portal do Bitcoin.

Fonte Oficial: Portal do Bitcoin.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!