ONG ambiental é suspeita de roubar R$ 500 mil da Caixa Econômica no Mato Grosso do Sul – Portal do Bitcoin

A Polícia Federal (PF) comunicou na quinta-feira (25) que cumpriu três mandados de busca e apreensão em Campo Grande (MS). A ação tinha como alvo o diretor de uma ONG e outros suspeitos de estelionato contra a Caixa Econômica Federal.

De acordo com a nota, a ação, batizada de ‘Operação Obliteração’, teve como objetivo juntar provas para esclarecer uma ação fraudulenta que causou um prejuízo de R$ 500 mil à instituição.

Segundo o Correio do Estado, as buscas aconteceram em uma residência, em um estabelecimento comercial e em um escritório.

A casa pertence ao diretor de uma ONG ligada ao meio ambiente, localizada no Jardim Veraneio.

Ele e outro envolvido foram levados para a sede da PF para prestarem depoimento sobre a movimentação financeira da associação.

O órgão também pediu à Justiça que, além da apreensão de  documentos, fosse autorizado o sequestro de bens da associação, mas o valor não foi revelado, diz o site.

De acordo com a PF, a ação teve como objetivo evitar a prática de novas fraudes contra a Caixa, localizando documentos falsos, objetos e instrumentos utilizados na falsificação.

Com as provas em mãos, as autoridades vão tentar recuperar parte dos valores que foram adquiridos de forma ilícita.

Caixa Econômica recebeu cheque falso

Conforme a nota, as investigações tiveram início em setembro de 2018, quando a CEF informou a polícia sobre a ocorrência de uma fraude “na modalidade estelionato”.

Os investigadores verificaram, então, que uma pessoa havia passado um cheque falsificado à Caixa, que acabou adiantado parte do valor na conta.

O falso cheque era de mais de R$ 1,3 milhão.

O nome da operação, diz a PF, faz referência à atuação da Polícia Federal no sentido de obstruir ou obliterar este tipo de prática criminosa praticada por estelionatários, tal como a obliteração de selos, bilhetes ou transportes por carimbos, rasgos ou sinais gráficos.


Compre Bitcoin na Coinext 

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br

O post ONG ambiental é suspeita de roubar R$ 500 mil da Caixa Econômica no Mato Grosso do Sul apareceu primeiro em Portal do Bitcoin.

Fonte Oficial: Portal do Bitcoin.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!