Estudante de Niterói morre após ser atingido por tiro de fuzil ao sair de casa – Isto É

Um estudante de 16 anos que jogava na categoria sub-16 do América-RJ morreu atingido nas costas por um tiro de fuzil quando saía de casa, em Niterói (região metropolitana do Rio), para ir treinar futebol, por volta do meio-dia desta segunda-feira, 12. O avô dele é motorista de ônibus e passou com o coletivo pelo local onde o neto foi morto. Viu de longe o corpo, trafegou por mais meio quarteirão e então suspeitou que fosse o neto. Parou o veículo, desceu, foi conferir e constatou que era o neto, a quem tentou socorrer.

O adolescente foi levado para a Policlínica Regional do Largo da Batalha, em Niterói, mas já chegou morto. O corpo foi transferido ainda à tarde para o Instituto Médico Legal (IML) de Niterói.

Segundo moradores da favela da Grota, no bairro São Francisco, o tiro que atingiu o estudante foi disparado pela Polícia Militar, que realizou ação na região durante esta segunda-feira.

A ação da PM reuniu equipes do Batalhão de Choque, do Grupamento Aeromóvel e do Batalhão de Ações com Cães. Segundo a corporação, foram apreendidos um fuzil AK-47 e duas pistolas, 19 munições 9 mm, uma mira telescópica, 390 pinos de cocaína, 109 pacotes de pó, 22 trouxinhas de maconha, 22 trouxinhas de crack, 77 cigarros de maconha, dois carregadores e cerca de 100 pinos de endolação.

Ainda conforme a PM, um outro homem foi ferido e socorrido, dois homens foram presos e um menor foi apreendido.

Depois da morte do adolescente, moradores fizeram um protesto que interditou as avenidas Rui Barbosa e Presidente Roosevelt, em São Francisco.

Fonte Oficial: Isto É.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!