Alerta máximo e evacuações por inundações no Japão – Isto É

Transbordamento de rio em Fukuoka, Japão, no dia 28 de agosto de 2019. – JIJI PRESS/AFP

As autoridades japonesas lançaram nesta quarta-feira um alerta e ordenaram a evacuação de 670 mil pessoas diante de chuvas torrenciais e inundações no sudoeste do arquipélago, onde duas pessoas morreram.

Em Shiga, um homem morreu quando seu carro foi arrastado pela água, informou à AFP um funcionário local.

Um idoso morreu afogado em circunstâncias similares em Fukuoka, quando tentava salvar seu veículo da inundação, segundo as autoridades locais.

O porta-voz do governo Yoshihide Suga revelou que outra pessoa em Saga se encontra em “parada cardiorrespiratória”, expressão utilizada no Japão para descrever uma morte não confirmada oficialmente por um médico.

A partir dos dados disponíveis, as autoridades locais determinaram a evacuação (voluntária) de cerca de 670 mil pessoas, e recomendaram o deslocamento de até um milhão de pessoas.

Os canais de TV exibiram imagens de bairros inteiros inundados por água e lama, com veículos quase totalmente submersos.

“O risco de desastre é extremamente elevado”, declarou em entrevista coletiva um funcionário da agência nacional de meteorologia.

“Observamos níveis inéditos de chuva nas cidades para as quais emitimos alertas especiais. É preciso adotar o máximo de precaução”, declarou o especialista Yasushi Kajiwara.

A região mais afetada é Kyushu (ilha do sudoeste), em particular os departamentos de Saga, Nagasaki e Fukuoka.

Fonte Oficial: Isto É.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!