Dólar cai a mínimas em 3 semanas com otimismo comercial e estímulos do BCE Por Reuters – Investing.com


Por Stefani Inouye

SÃO PAULO (Reuters) – O dólar operava em queda contra o real nesta quinta-feira, em dia majoritariamente positivo nos mercados externos, na esteira de notícias positivas sobre as relações comerciais entre Estados Unidos e China e anúncio de estímulos pelo Banco Central Europeu (BCE).

Às 12:13, o dólar recuava 0,19%, a 4,0568 reais na venda. Na mínima da sessão, o dólar chegou a tocar 4,0273 reais, menor nível desde 22 de agosto.

Na B3, o dólar futuro recuava 0,45%, a 4,0550 reais.

Para Jefferson Laatus, sócio fundador do Grupo Laatus, o real se beneficiava de um clima mais otimista presente nos mercados externos, após notícia sobre o adiamento de tarifas dos EUA sobre produtos chineses.

“A guerra comercial tem sido o pilar de maior incerteza nos mercados e qualquer notícia boa sobre o assunto reflete em mais otimismo. A sinalização positiva antes das reuniões presenciais aumenta as expectativas de um acordo.”

Também compactuando para o cenário mais positivo, nesta quinta-feira o BCE cortou sua taxa de depósito em 10 pontos-base, para uma mínima recorde de -0,5%; prometeu que as taxas permaneceriam baixas por mais tempo e disse que reiniciaria as compras de títulos a um ritmo de 20 bilhões de euros por mês a partir de 1º de novembro.

O dólar perdia contra grande parte de suas divisas, com as moedas emergentes pares do real, como e rand sul-africano, se valorizando em 1,4% e 0,42% contra o dólar, respectivamente. O , considerado um ativo seguro, estendia suas perdas pelo segundo dia, indicando maior apetite por risco nos mercados.

As atenções agora se voltam para a reunião de política monetária do Federal Reserve em 17 e 18 de setembro, com os juros futuros dos EUA indicando que operadores vendo mais de 90% de chance de o Fed cortar juros em 0,25 ponto percentual na próxima reunião, de acordo com a ferramenta Fedwatch do CME Group.

O mercado também vai monitorar a partir de agora a reunião do Copom, que divulga sua decisão de política monetária no mesmo dia que o Fed.

Na cena doméstica, o BC vendeu 300 milhões de dólares dos 580 milhões de dólares em moeda física nesta quinta-feira e negociou ainda 6 mil contratos de swap cambial reverso dos 11.600 ofertados –nos quais assume posição comprada em dólar.

Adicionalmente, a autarquia vendeu 5.600 contratos de swap cambial tradicional, correspondentes à venda futura de dólares, para rolagem do vencimento de novembro.

Declaração de Riscos: Fusion Media would like to remind you that the data contained in this website is not necessarily real-time nor accurate. All CFDs (stocks, indexes, futures) and Forex prices are not provided by exchanges but rather by market makers, and so prices may not be accurate and may differ from the actual market price, meaning prices are indicative and not appropriate for trading purposes. Therefore Fusion Media doesn`t bear any responsibility for any trading losses you might incur as a result of using this data.

Fusion Media or anyone involved with Fusion Media will not accept any liability for loss or damage as a result of reliance on the information including data, quotes, charts and buy/sell signals contained within this website. Please be fully informed regarding the risks and costs associated with trading the financial markets, it is one of the riskiest investment forms possible.

Fonte Oficial: Investing.com.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!