Brasil pode crescer mais de 2% em 2020, afirma Guedes – Exame

São Paulo – O ministro da Economia, Paulo Guedes, espera que o Produto Interno Bruto do Brasil tenha um crescimento superior a 2% no que vem, mais precisamente 2,17%. Para 2019, a expectativa do governo é de um crescimento bem mais modesto, 0,8%.

Em entrevista ao Jornal da Record, Guedes mostrou otimismo em relação ao plano de recuperação econômica implementado durante o governo atual. “Vamos recuperar a dinâmica do crescimento. No ano que vem, vamos crescer acima de 2%”, afirmou.

Apesar das projeções acima do esperado, o ministro atacou os encargos trabalhistas e afirmou que a economia brasileira foi “vítima de uma forte desaceleração econômica”. “O ano que vem vai ser melhor, mas não estamos falando de 3,5%, 4%”, disse.

Segundo Guedes, o Brasil tinha “uma das economias que mais crescia no mundo, mais gerava emprego e trouxe imigrantes do mundo inteiro”. Contudo, o ministro afirmou que juros e impostos elevados fizeram o País perder a dinâmica de crescimento e criaram o “fenômeno do desemprego em massa.”

Para crescer acima de 2%, a estratégia do ministério se baseia em não elevar a taxa de impostos, principalmente encargos trabalhistas. Essa política poderá ajudar a criar uma “aliança centro-direita” que ficará mais tempo no governo.

“China, Índia, Paquistão, Sudeste Asiático… Todos estão seguindo (esses fundamentos) de impostos mais baixos, crescimento acelerado, inserção nas cadeias globais de valor”, disse Guedes.

Fonte Oficial: Exame.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!